fbpx

O que seria uma glicemia

Criado por Pablo Silva em 2 de maio de 2017

Como uma simples pergunta pode revelar tanto de cada um?

Forças, fraquezas, surpresas e um valor, pessoal, mas libertador. A glicemia que te lançou neste mundo doce.

E você se achando sozinho neste universo do diabetes? Estamos longe disso!

Tantos casos, vidas e histórias e se resumem a que? Números e eles ditam a nossa vida, a nossa rotina diária. A verdadeira montanha russa das glicemias.

E não sejamos egoístas, mas só quem passa na pele por isso, sabe a emoção que é ter um resultado abaixo de 100 e também a dor ao ver algo absurdamente acima disso.

No final, estamos todos juntos, não sendo melhor, nem pior. Se eu achava que 470 no meu diagnóstico era absurdo, ler de pessoas que chegaram a casa de 1.000 é de pegar a insulina e sentar na cadeira para aplicar de tão surpreso que você fica.

Glicemias altas ou baixas irão acontecer sempre, isso não
vai mudar e enquanto existir, querendo ou não, fará você ter diabetes, isto indica que seu coração está batendo e que para ele continuar fazendo isso será preciso toda uma rotina para manutenção da sua VIDA!

No fim das contas não existe o mais ou menos diabético, existe apenas doces pessoas querendo viver da melhor maneira possível dia após dia.

E então, já mediu sua glicemia hoje?

Pablo Silva

Pablo Silva é professor, especialista em tecnologia educacional, jornalista e atua na área de tecnologia há mais de 10 anos. Após o diagnóstico do diabetes, resolveu compartilhar sua vida e criou o site “Eu e a Bete” que, por meio do seus canais, transmite a mensagem que o diabetes não é uma limitação e que pode se transformar em uma motivação pra sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre

Blog dedicado a compartilhar informações e experiências da vida com diabetes tipo 1.
Saiba mais sobre o autor.

Contato

Este site é mantido por Thoughtbox
twitteryoutube-playinstagramfacebook-official